A primeira empresa do setor a conseguir o certificado de Estratégia de Sustentabilidade e Economia Circular.

O modelo de economia linear que tem predominado no setor industrial conduzia ao esgotamento dos recursos naturais e implicava um aumento dos resíduos e da poluição, pelo que podemos, portanto, assegurar que este modelo produtivo está obsoleto e que a sociedade no seu conjunto exige cada vez mais soluções sustentáveis a longo prazo que cuidem do planeta.

Proibição Europeia do Greenwashing

A Comissão Europeia propôs proibir o greenwashing na publicidade e na comunicação comercial das empresas, de modo que estas não possam utilizar a causa ecologista e a luta contra a crise climática para limpar a sua imagem e para se publicitarem junto dos consumidores ou utilizadores.

Bruxelas abre assim o debate para modificar a Diretiva sobre as práticas comerciais desleais, incluindo cinco elementos inovadores que vão impedir a lavagem verde das empresas.

Não será possível introduzir «declarações ambientais vagas» nos anúncios publicitários que vinculem os produtos a um «excelente desempenho ambiental» ou a utilização incorreta das etiquetas «eco» e «verde». Além disso, também será considerada uma prática desleal, segundo a proposta da Comissão, vender um produto como sustentável quando apenas houver um elemento particular do mesmo que o seja, nem poderão ser mostradas etiquetas de sustentabilidade que correspondam a práticas voluntárias em vez de a esquemas de verificação independentes.

Certificado de Estratégia de Sustentabilidade e Economia Circular.

A CONTENUR trabalha há anos em sustentabilidade e aplica nos seus processos os princípios da Economia Circular que têm como objetivo final a responsabilidade na utilização de matérias-primas, aproveitando ao máximo os recursos disponíveis. A implementação desta estratégia baseia-se nos princípios da economia circular que são os seguintes: Ecoconceção, ecologia industrial e territorial, economia de funcionalidade, segundo a utilização, a reutilização, a reparação, a reciclagem, a avaliação, a inovação e a transparência.

Um claro exemplo da aplicação da Economia Circular na CONTENUR é a colocação em marcha do Projeto CIRCLE® que tem por objetivo alargar a vida útil dos produtos, voltando a inclui-los na cadeia de produção e oferecendo-lhes uma segunda vida real através do material reciclado. Além disso, aposta na diminuição da pegada de carbono, usando uma energia 100 % renovável na fábrica de Getafe e convertendo progressivamente a frota de manutenção da unidade de serviços em veículos elétricos ou híbridos.

Com o propósito de continuar a trabalhar neste sentido e implementar uma cultura de melhoria contínua na gestão de processos e como forma de consolidar o compromisso na sociedade e no ambiente, fomos reconhecidos pela AENOR com o Certificado de Estratégia de Sustentabilidade e Economia Circular, sendo assim os primeiros a obtê-lo neste setor industrial.

Este certificado soma-se aos já obtidos em matéria ambiental como:

  • ISO 14001 para o sistema de gestão ambiental em nove centros e três fábricas.
  • Certificação ISO 50001 para o sistema de gestão de eficiência energética dos centros de produção de Getafe e Mielec e a frota de veículos da área de serviços.
  • Certificação de Gestão do Ecodesignsegundo a norma ISO 14006 para toda a gama de produtos concebidos e comercializados pela CONTENUR.
  • Verificação e certificação do programa OCS nos centros de produção de Getafe e Mielec.
  • Certificação FSC e PEFC para a rastreabilidade da cadeia de custódia (em jogos infantis) dos materiais utilizados provenientes de florestas sustentáveis (área de jogos infantis)
  • Cálculo, verificação e registo da pegada de carbono na Agência Espanhola das Alterações Climática de 11 centros de serviços e a fábrica de Getafe, mais o cálculo e a verificação da fábrica de Getafe.
MAIS INFORMAÇÃO SOBRE SUSTENTABILIDADE